Loading...

Blog

Mulheres com filhos ganham salários menores

Por Bruno Ottoni, pesquisador do IDados

A literatura internacional sugere que mulheres com filhos ganham salários menores (leia aqui um exemplo recente). Estudos semelhantes já foram realizados para o caso brasileiro, porém, utilizando dados não tão recentes. O artigo mais recente sobre o tema realizado com dados brasileiros data do ano de 2004 (veja aqui o referido estudo). Em geral, as pesquisas que utilizam dados brasileiros encontram resultados similares aos observados em outros países.

O objetivo deste post é analisar, por meio de comparações simples entre salários médios, em que medida os dados brasileiros mais recentes corroboram os resultados encontrados tanto na literatura nacional quanto na internacional. Ou seja, este texto procura verificar se, de acordo com os últimos dados disponíveis, as mulheres brasileiras que têm filhos recebem salários que são, em média, menores do que aqueles auferidos pelas mulheres brasileiras que não têm filhos.

As comparações apresentadas abaixo foram construídas a partir dos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua referente ao segundo trimestre de 2018 (PNADC de 2018.2). A opção pela versão mais recente da PNADC visa permitir uma análise que seja mais pertinente para o cenário verificado atualmente no mercado de trabalho brasileiro.

Vale ressaltar que as comparações apresentadas focam apenas na população de mulheres com as seguintes características: (i) mulheres casadas, (ii) empregadas e (iii) e com idades entre 25 e 35 anos. A ideia de focar neste grupo mais restrito é justamente permitir que as diferenças calculadas no presente texto sejam obtidas a partir de um conjunto mais semelhante de mulheres.

Os resultados apresentados na Tabela 1 sugerem que as mulheres brasileiras com filhos de fato auferem menores salários. Mais precisamente, enquanto as mulheres que não têm filhos (que perfazem 1.359.511 mulheres) ganham, em média, R$ 2.115,39 por mês, aquelas que já tiveram filhos (que compreendem 2.917.442 mulheres) recebem, em média, R$ 1.560,51 por mês. Isto quer dizer que as mulheres com filhos recebem um salário mensal que é, em média, R$ 554,88 menor do que aquele recebido pelas mulheres sem filhos.

Infelizmente, a Tabela 1, ao separar as mulheres apenas entre aquelas com e sem filhos, não permite verificar em que medida os salários podem variar em função do número de filhos. O Gráfico 1 procura lidar justamente com essa limitação da Tabela 1, ao apresentar a média salarial em função do número de filhos. Os resultados demonstram que, de fato, existe grande variação no salário médio em função do número de filhos. Mais precisamente, enquanto o salário médio de uma mãe que tem apenas um filho fica em R$ 1.604,99 por mês, o mesmo indicador chega a alcançar o valor expressivamente menor de R$ 1.271,30 por mês para uma mãe que tenha três ou mais filhos.

Os números apresentados neste post são apenas sugestivos, mas corroboram a ideia de que a maternidade resulta em uma redução no salário das mulheres brasileiras.

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 + 20 =

Fique bem informado

Receba novidades do IDados no seu e-mail.